Negócio da aviação em Portugal somou prejuízos de €1,55 mil milhões em 2020

“No ano de 2020 verificou-se o maior declínio de tráfego aéreo de que há registo”, sublinha a ANAC no seu mais recente anuário da aviação civil. A aviação civil em Portugal teve prejuízos de 1,55 mil milhões de euros em 2020, o primeiro ano da pandemia de Covid-19, depois de em 2019 ter gerado lucros de 72,3 milhões de euros, de acordo com o mais recente anuário deste sector. Globalmente, de acordo com o mesmo documento, o volume de negócios da aviação civil em Portugal encolheu 54,8% em 2020, o emprego sofreu um corte de 9,2%, a frota diminuiu 1%, mas o investimento cresceu 27% face ao ano anterior.

CategoriasSem categoria

Please Login to Comment.