Argélia fecha gasoduto do Magrebe que serve Espanha e Portugal

A Argélia exporta cerca de 10.000 milhões de metros cúbicos de gás natural por ano para Espanha e Portugal. A Argélia encerra o Gasoduto Magrebe-Europa, após 25 anos em funcionamento, alegando motivos políticos e geoestratégicos, mas prometeu compensar a Península Ibérica aumentando a capacidade do Medgaz e as exportações de gás natural liquefeito por via marítima. A decisão da Argélia é soberana e é fruto [da ruptura] das relações diplomáticas com o seu vizinho de Oeste [Marrocos]. É verdade que é um acontecimento inédito e veremos quais são as opções e as medidas paliativas para que a Argélia possa honrar seus compromissos com um cliente tradicional, que é a Espanha.

CategoriasSem categoria