Dívida das famílias, empresas e Estado sobe para 762,5 mil M€

O endividamento das famílias, empresas e Estado aumentou 14.100 milhões de euros no primeiro semestre face ao final de 2020, para 762.500 milhões, superando o valor homólogo em quase 30.000 milhões de euros, divulgou o BdP. O endividamento do setor não financeiro situou-se em 762.482 milhões de euros, dos quais cerca de 350.500 milhões de euros respeitavam ao sector público e 412.000 milhões de euros ao sector privado. Já o endividamento dos particulares aumentou 2.000 milhões de euros, ‘refletindo o incremento do financiamento obtido junto do sector financeiro’.

CategoriasSem categoria

Please Login to Comment.